Carregando..

Quando ganhei meu primeiro estojo de tintas aquarela, eu só sabia que queria muito começar a aprender a pintar. Eu não fazia ideia, ainda, de que assim como existem tintas específicas para cada tipo de arte, também existe essa diferença entre os papéis para aquarela. Por isso, comecei alguns desenhos em folhas comuns, aquela sulfite A4 mesmo, mas fui percebendo que a tinta não se comportava muito bem, que o papel ficava meio deformado e que também, eu não conseguia um efeito legal entre as cores, como eu tinha imaginado na minha cabeça.

Me lembro que, um dia, fui comprar pincéis novos em uma loja dessas cheias de materiais de arte, e lá o vendedor me ofereceu um papel diferente, que estava na oferta: ele era mais grossinho e com uma textura diferente na superfície, tipo essas paredes mais ásperas, sabe? Levei para casa uma folha no tamanho de uma cartolina e comecei a testar alguns traços de aquarela. Me apaixonei! E assim, meio que sem querer, descobri que dá para brincar muito mais com a aquarela, se a gente usar os materiais corretos. Não me lembro o nome da marca do papel (já faz muito tempo), mas desde então, nunca mais aquarelei em papéis “comuns”.

Com o papel próprio para aquarela, conseguimos brincar mais com a tinta e ter efeitos degradê, com pontos mais escuros e outros mais claros, sem deformar a pintura

Fui descobrindo alternativas adaptáveis a cada tipo de trabalho que preciso desenvolver, e com valores que também se encaixam em meu orçamento. Afinal, quem aí já pesquisou um pouquinho ou já conhece diferentes papéis para aquarela sabe que os preços variam, assim como as marcas e os acabamentos que cada uma oferece.

Diferentes papéis para aquarela

O papel que mais uso, justamente por ter um valor mais acessível, é o Canson Aquarela da Linha Universitária (o bloco tamanho A4, com 12 folhas, custa em média R$20,00). A vantagem dele, é que adere bem ao grafite, para quem gosta de traçar o desenho antes de colocar cores. Além disso, ele tem essas granulações na superfície, como dá pra ver aqui na imagem abaixo, e que funciona muito bem para desenvolver um trabalho legal, com misturas de cores e tons.

Retirei essa imagem do site Papel Luxo. Dá para comprar o bloco, por esse link aqui.

É importante se atentar para uns detalhes pequeninos, mas que fazem diferença. Antes de comprar o bloco, observe se ele é próprio para aquarela. Já tentaram me vender blocos para desenhos em geral e eles funcionam, normalmente, como o papel A4 comum, só que com folhas um pouquinho mais grossas. Mas sem esse efeito texturizado, que a gente precisa para que a aquarela fique mais comportadinha ☺.

A Canson possui uma série de papéis, com preços variados, próprios para aquarela. É uma linha completa, que engloba desde o básico para iniciantes, até aquele mais profissional, para quem já possui mais segurança nos traços. Vou listar alguns deles abaixo, com algumas características para que fique mais fácil e livre escolher o seu.

Canson Montval Torchon

Ele é um papel um pouco mais caro. Custa em média R$35,00. Ele é um papel mais macio e, por isso, pode ser mais complicado usar grafite para o traço inicial do desenho ou nanquim para finalizar, como costumo usar em alguns desenhos. De toda forma, nos papéis com essas características (mais macios) a absorção da tinta acontece de maneira mais fácil, dando um acabamento mais delicado à aquarela.

Existe também, o Montval comum, sem ser tão macio quanto o Torchon. Os valores são bem próximos, e o que diferencia primeiramente um do outro, é mesmo a textura e, claro, o gosto de cada um, né?

 

Bloco XL Canson Aquarelle

Acho uma graça o formato espiralado do bloco, que dá uma impressão de ter por perto um típico caderno de desenho escolar.  O boco tamanho A4 tem 30 folhas e todas elas são picotadas, para que possamos destacar. O valor dele varia: entre R$40,00 a R$60,00. Mas a compra é vantajosa, já que, embora seja mais caro, ele possui também mais folhas. Alguns desenhos que já vi, feitos nele, dão a impressão de que seu efeito é bem semelhante ao da linha universitária.

 

Canson Moulin du Roy

Outro investimento da Canson, é o papel Moulin du Roy. Pelo que li sobre ele, seu valor é mais acessível e a textura de suas folhas absorve muito bem água e tinta, trazendo num ótimo acabamento nos desenhos e pinturas.

O valor do bloco tamanho A4 varia entre R$25,00 e R$40,00.

 

Aqui embaixo, vou deixar mais duas ilustrações que fiz, todas no papel Canson Aquarela Linha Universitária (aquele que comentei ali no princípio).

Essas duas ilustrações foram feitas no papel Canson Linha Universitária

 

Já essa aqui, foi feita há alguns anos, em papel comum, sulfite A4. Dá muita diferença, né? Principalmente nos campos de intensidade de cor. O papel de aquarela permite que a gente brinque com variações do mesmo tom, de uma forma mais leve.

 

É isso! Espero que tenham gostado das nossas dicas. E que muitas aquarelas surjam por aí, com criatividade e delicadeza.

Até a próxima!