Carregando..

Se você ama escrever e desenhar, o lettering é perfeito para você! Seja com lápis ou canetas marca-texto, são muitas as formas com que você pode escrever palavras brincando com o formato das letras, dando personalidade à sua mensagem. Se você já conhece e ama fazer lettering, vou te mostrar como você pode levar a técnica a outro nível fazendo lettering com textura em papel!

A ideia é moldar o papel no formato das letras e preenchê-las com padrões e desenhos usando as técnicas de quilling paper. A técnica consiste em moldar tirinhas de papel em formas diversas e espirais, que você pode aplicar no lettering e criar efeitos tridimensionais impressionantes!

A combinação de lettering com quilling paper produz resultados deslumbrantes e é um trabalho super manual que, embora pareça muito complexo à primeira vista, não tem muitos segredos, como vou desvendar para você nesse passo a passo de como fazer.

Materiais:

Papel: é ideal que o papel que você vai usar seja mais maleável, de gramatura entre 75 e 120g  para que ele faça curvas mais suaves ao invés de dobrar. No entanto, para a base do seu trabalho, um papel um pouco mais grossinho é muito bem-vindo para te dar mais firmeza.

Invista em folhas coloridas! Parte do charme do lettering com textura em papel é justamente essa combinação de cores e efeitos de degradê que você pode criar.

Se você achar o papel já recortado em tirinhas, já é meio caminho andado. Contudo, parte do trabalho pode envolver medir cuidadosamente a espessura das tiras e recortá-las à mão ou com uma guilhotina. Neste trabalho, estou usando tirinhas com 7mm de espessura, mas você pode variar, dependendo do tamanho do seu lettering e do efeito que você quer produzir.

Cola: você pode usar cola branca comum, mas deve ter cuidado na aplicação para não enrugar o papel. Uma dica é usar um cartão de plástico ou uma superfície lavável qualquer para fazer uma pocinha de cola e molhar as tirinhas de papel, evitando excessos e marcas de cola na sua obra de arte.

Lettering com textura em papel

Pinça: se você tiver que colar pedacinhos de papel muito pequenos, usar uma pinça de sobrancelha te ajuda a posicionar o papel com mais precisão. 

Materiais em mão? Vamos ao trabalho! 

Preparando a base:

Todo trabalho de lettering começa com um esboço. Para desenhar o formato das letras, você pode seguir esse tutorial ou partir de uma fonte já pronta, copiando com uma folha por cima. Faça um esboço bem de leve, usando um limpa tipo ou borracha para clarear o traço.

Lettering com textura em papel

Em seguida, molde as tiras de papel em torno do seu traçado. Você pode medir o tamanho das letras com uma régua e ir dobrando o papel seguindo suas medidas. Meu “M”, por exemplo, tem 5cm de altura, então a primeira dobra está a 5cm do começo da tira e a próxima dobra, a do topo do “M”, tem 1,5cm. Uma outra opção é medir por cima do próprio esboço, posicionando a tira onde ela vai ser colada.

Lettering com textura em papel

Lettering com textura em papel

Colando:

Como eu já expliquei, pegue as tiras de papel já dobradas e coloque-as na pocinha de cola que você fez. Vá colando os pedaços por cima do seu traçado e, caso alguma parte fique descolada, uma forma de aplicar mais cola é usando uma outra tirinha de papel e passando na área a ser colada. 

Preenchendo as letras:

Uma vez que você estiver com o contorno das letras pronto, você pode preenchê-las da forma que quiser! São muitos os formatos possíveis produzindo efeitos diversos. Molde e encaixe as tiras individualmente, testando-as antes de colar. Elas podem até atravessar o contorno se você fizer um pequeno corte e extrapolar as bordas das letras!

Texto e Fotos por: Helena Antunes