Carregando..

A evolução da fotografia no Brasil pode ser contada a partir de alguns acontecimentos históricos. As revoltas populares dos séculos 19 e 20 foram registradas pelos primeiros fotojornalistas do país, que exploraram o interior em busca de registros inéditos.

Imagens raras de momentos importantes, como a tomada do Forte de Copacabana, em 1964, e a Revolta de Jacareacanga, em 1956, compõem a exposição Conflitos: fotografia e violência política no Brasil 1889-1964. A mostra chegou a São Paulo, em maio deste ano, e revela os bastidores de conflitos armados que se espalharam pelo território brasileiro, como a Guerra de Canudos e a Revolução Federalista.

A exposição é resultado de uma pesquisa de quatro anos no acervo do Instituto Moreira Salles e, de certa forma, também conta como o fotojornalismo brasileiro nasceu. A cada clique, é possível ver como as técnicas se desenvolveram: albumina, cartões portais e negativos de vidro.  

Fotografia faz história

As revoluções que tomaram conta do Brasil, no final do século 19, tiraram os fotógrafos do conforto dos estúdios, onde produziam retratos. Com as confusões que se instalavam em várias regiões, eles foram chamados para clicar o que acontecia pelo interior.

Na década de 1940, surgiu a figura do fotojornalista, que carregava equipamentos mais leves e portáteis. Começava a era do fotógrafo que tinha mobilidade pelas ruas e facilidade para registrar os acontecimentos do momento.

Assim, sem perceber, na curiosidade de colocar em memória o que estava ocorrendo naquela época, os fotógrafos criaram uma nova profissão. Graças a eles, hoje é possível irmos a uma exposição que descreve a história dos conflitos armados no Brasil, tornando mais fácil o contato com o passado.

Você pode conferir Conflitos: fotografia e violência política no Brasil 1889-1964, no Instituto Moreira Salles Paulista, a partir de maio. A curadoria é da pesquisadora e crítica de História da Arte Heloisa Espada.

Gosta do tema? Baixe grátis o nosso e-book e melhore suas habilidades como fotografo. Basta se cadastrar no formulário abaixo!

e-book fotografia

Conheça também o nosso curso online de Fotografia para Instagram.