Carregando..

muitos anos atrás, a encadernação artesanal surgiu para proporcionar a união de páginas de livros e documentos diversos que precisavam ser conservados por mais tempo. Assim, páginas soltas de documentos manuscritos ou impressos que podiam se perder facilmente, após a encadernação tinham a vida útil prolongada. 

Atualmente, a encadernação artesanal é uma arte linda e super valorizada que pode transformar seu documento em uma peça de recordação. Conheça agora as principais técnicas: 

Japonesa

A técnica de costura Japonesa é formada por um conjunto de costuras sendo que cada uma delas pode gerar um desenho diferente na capa do material.  Apesar de parecer complicada, essa técnica é de fácil execução e pode ser aplicada praticamente todo tipo de material, como bloquinhos de recados, cadernos e álbuns de fotos e usando materiais diversos – fitas, barbantes, linhas, etc. 

encadernação-artesanal

Imagem: Descontructed.org

Copta

Essa encadernação copta é feita pela união da capa ao miolo, página por página, em pontos que formam linhas verticais. Uma das características mais marcantes e originais dessa técnica é a costura trançada que fica visível na lombada do caderno. Esse estilo de encadernação artesanal tem algumas variações, entre elas a Copta Etíope que é construída com 2 ou mais agulhas. Para os acabamentos você pode utilizar elásticos e pingentes. 

encadernação-artesanal

Imagem: @encadernadeira

Belga 

Essa técnica de encadernação permite com que o material seja aberto 180º e as partes são feitas separadamente: capa, contracapa e lombada. São feitos vários orifícios nas três peças e depois eles são unidos por linhas que passam até a capa, criando assim um padrão diferente e interessante. A encadernação belga resulta em uma costura bastante elegante, e pode ser usada na confecção de peças variadas. Ela pode ser usada para confeccionar cadernos de assinaturas, muito comuns em eventos como casamentos, aniversários, datas comemorativas, pela facilidade de abertura total. 

encadernação-artesanal

Imagem: Ceciarteira.com

Bradel

Na encadernação artesanal Bradel, o miolo não fica exposto, ele fica atrás da lombada. A costura é feita na lombada amarrando o miolo à capa. Por isso, nesse tipo de técnica é importante fazer o miolo primeiro e depois a lombada sob medida – pois depende da quantidade de páginas, para que fique ajustado e o resultado fique mais harmônico. É indicada para álbuns, cadernos de mensagens, livro de anotações dentre outras utilizações. Fica um trabalho muito delicado!

encadernação-artesanal

Imagem: Revista Artesanato

Brochura 

Esse é o tipo de encadernação mais utilizado pela indústria feita de modo automatizado para a produção de cadernos e agendas em grande escala, mas o interessante é que essa costura também pode ser feita de forma totalmente artesanal. Esse tipo de técnica de encadernação artesanal é uma das mais simples de ser feita, muito indicada para a confecção de agendas, cadernos de notas e livros de receitas. O miolo é costurado a uma capa flexível e nesse tipo de trabalho o revestimento das capas é feito,geralmente, em tecido. Também pode ser utilizado outros tipos de materiais como couro, courino, papel pecalux, dentre outros.

Imagem: @encadernadeira

Gostou das técnicas? Assine o Clube Criativo e tenha acesso a todos os novos cursos da Casa Beta, em breve Curso de Encadernação!