Carregando..

Criar imagens lindas com linha e agulha é uma habilidade incrível! Imagine só quem adiciona um componente inusitado ao bordado: a fotografia. O resultado são peças com uma expressão artística contemporânea que permite muita experimentação, além da releitura de duas artes já consolidadas e cheias de tradição. Fique por aqui para saber mais sobre o bordado em fotografia.

A técnica é uma boa ideia para quem gosta de bordado e de fotografia também. Se essa união nunca passou pela sua cabeça, não tem problema. Ela não tem mistério e consiste em intervir em imagens já captadas e impressas. Tendência pelo mundo, a nova combinação de habilidades criativas já tem alguns ícones pelo mundo, e a Casa Beta separou alguns trabalhos para te inspirar!

Mana Morimoto

A designer japonesa une fotografia em preto e branco ao bordado colorido e é famosa nas redes sociais. A artista começou a experimentar essa mistura em ingressos de shows, anúncios antigos e pinturas históricas. Quando suas peças com fotografia ganharam sucesso, ela passou a bordar também em esculturas e gifs.

View this post on Instagram

OG

A post shared by ⌘ m a n a m o r i m o t o ⌘ (@mnmrmt) on

Jose Romussi

O chileno é outra referência no assunto. Com linhas coloridas, ele borda padrões e palavras sobre fotografias antigas em preto e branco e páginas de revista. Para o artista, a técnica é uma forma de dar nova emoção à imagem, possibilitando um olhar diferente sobre as expressões artísticas.

View this post on Instagram

EM BROIDE RY-2017SKE T CH-2015

A post shared by Jo2eRomussi (@joseromussi) on

Aline Brant

No Brasil, a artista do Rio de Janeiro se destaca pelas intervenções de costura, macramê, crochê e tricô sobre as fotografias. Aline encontrou no bordado o formato ideal para ilustrar as imagens e orientar sua comunicação artística.

View this post on Instagram

Aline Brant, abr | 2019

A post shared by Aline Brant (@alinebrant) on

Renata Malachias

Também brasileira, a artista borda sobre fotografias que guardam memórias e servem de recordação. Suas peças emocionam os clientes, pois ganham mais valor e se tornam decoração da casa.

Laís Domingues

Já a recifense usa a união da fotografia ao bordado para expressar seus próprios sentimentos. Corações, pássaros, órgãos e linhas variadas surgem em meio ao monocromático da fotografia em preto e branco. Suas peças são conhecidas pela forte presença da imagem feminina.

 

Essas mulheres incríveis te inspiraram a começar a bordar? A Casa Beta te ajuda nesse novo projeto com o Curso de Bordado para Iniciantes! Clique aqui para aprender a criar com linha e agulha!

Muitos artistas inspiradores, não é? Você também pode assinar obras tão incríveis quanto essas. Basta começar! Quer saber como? Faça o download gratuito do e-book O Segredo das Mentes Criativas: